11.12.10

A dura tarefa de manter-se condicionado

Manter o treinamento que você conquistou pode ser muito difícil. Mas, por quê? O grande problema está num organismo vivo que não para
Por Miguel Sarkis


Manter o treinamento que você conquistou pode ser muito difícil. Mas, por que é tão difícil? O grande problema está num organismo vivo que não para.

Desde que fomos gerados pelos nossos pais, a luta é constante de ir pra frente ou para trás. Ganhar um melhor condicionamento físico pode significar muito treinamento e muita dedicação no seu dia a dia, o que não é tarefa fácil.

Imagine só que durante uma, duas, até mais horas, você treinará arduamente, depois, terá as restantes horas do dia, para viver. É exatamente nessas tantas horas do dia que você melhorará ou piorará a conquista com os seus treinos.

Saiba que todo o conjunto priorizará o resultado. Dormir, alimentar-se, viver em paz, são alguns dos cuidados que todo ser vivo tem direito, isso se torna mais evidente em pessoas que praticam corrida.

Quanto mais cuidados e acertos, maiores serão os ganhos para o seu organismo. É dormindo que se obtém o “passe” para maior ganho físico (supercompensação), depois, alimentar-se adequadamente ajuda a repor o que se eliminou e que precisa ser recuperado no organismo, o estar bem com você mesmo libera as tensões dos músculos, tendões e ligamentos, evitando situações muito desgastantes do dia a dia.

Com certeza, depois dos cuidados com este último item, o seu treino seguinte será mais prazeroso. A água é um dos ingredientes vitais e de suma importância para os treinos. Aqueles engraçadinhos que resolvem inovar e eliminam de sua dieta, principalmente durante treinos de horas de duração, estão com os dias contados como corredores.

Lesões sérias podem advir deste comportamento tão comum nos parques e bosques onde há maior concentração dos atletas anônimos. E se todos esses cuidados não bastassem, deixar de treinar alguns dias pode parecer inofensivo, mas para quem vive a vida nas cidades grandes essa atitude, muito comum entre os que trabalham arduamente, é muito evidente.

Ao retomar os treinos, sente-se como se tivesse perdido muito do condicionamento físico. Algumas razões muito evidentes para este sentimento são: o ganho de volume e peso corporal (num fim de semana pode-se adquirir até 4 quilos), a diminuição substancial do tônus muscular, o estresse acumulado com a parada, mais os quilos que já estão acima do peso ideal justificam plenamente esta volta atribulada. Então, concluímos que melhor é manter do que tentar reaver.

Treine bem, treine sempre e acerte seu compasso...